Cabernet Sauvignon

Cabernet Sauvignon: a Rainha das uvas tintas e seus Vinhos

Este artigo sobre a Uva Cabernet Sauvignon e seus Vinhos foi escrito, especialmente para o VinhoSite, pela Bia blog Winer.

A Uva Cabernet Sauvignon é uma das castas mais conhecidas no mundo. Deve ser por isso mesmo que é difícil encontrar alguém que nunca tenha provado um vinho dessa uva! De fato, é uma das poucas variedades que é cultivada em praticamente todas as regiões vinícolas do mundo, graças à sua grande adaptabilidade aos mais distintos climas e solos.

No século 18 a Cabernet era muito popular na região de Bordeaux, especialmente na margem esquerda. Sua origem, entretanto, era controversa até recentemente. Somente na década de 90 que pesquisadores identificaram que o DNA dessa uva era resultante de um cruzamento entre a Cabernet Franc e a Sauvignon Blanc que provavelmente ocorreu no século 17.

Da França, essa uva se espalhou para o mundo todo, tanto para os países vizinhos, ali na Europa mesmo, como para o novo mundo, desde Nova Zelândia até a Califórnia. E no século XX foi a variedade mais plantada em todo o mundo! Isso se deve ao fato de, além de muito adaptável, essa uva também tem grande resistência às pragas e às adversidades climáticas, como o excesso de chuva, por exemplo.

O seu sucesso, vai muito além dessa adaptabilidade! Muitos dos vinhos elaborados com essa uva já foram considerados como os mais caros do mundo! E não só os franceses, mas também os californianos, especialmente depois do famoso julgamento de Paris, em que o Cabernet da Califórnia foi considerado pelos jurados como melhor que o de Bordeaux! Isso lá nos idos de 1976… Imagine hoje como a concorrência entre os produtores não é acirrada!

Só por esse fato já podemos imaginar como essa uva faz sucesso, não é? Ficou interessado? Continue lendo nosso artigo!

Principais características da Cabernet Sauvignon

Uva Cabernet Sauvignon
Entenda as principais características da Cabernet Sauvignon

Uma das grandes diferenças da Cabernet Sauvignon é a espessura da sua casca. Isso mesmo, essa uva tem casca bem grossa, o que a torna mais resistente às diversidades climáticas. Mas além disso, essa casca grossa é muito rica em taninos, o que pode ser bom ou não. Isso porque o alto de teor de tanino, se mal administrado, pode deixar o vinho com aquela sensação de banana verde na boca, mas se bem administrado, pode trazer inúmeras vantagens.

Um dos segredos para domar adequadamente os taninos é realizar a colheita da uva somente quando ela atinge a plena maturidade, ou seja, quando estiver no auge do seu desenvolvimento. Isso porque, nesse momento, apesar da alta concentração de taninos, eles estarão suaves (sem grande adstringência) e darão ao vinho uma complexidade maravilhosa.

Por ser uma uva cultivada nas mais diversas partes do mundo, o vinho Cabernet Sauvignon tem uma variedade enorme de aromas, dependendo da região onde foi produzido. Via de regra, o bago é pequeno e bem escuro, mas com possibilidade de oferecer grande concentração de aromas e sabores.

De forma geral, pode-se dizer que suas principais características são de um vinho encorpado, com aroma de frutas vermelhas escuras, como amora, mirtilo e ameixa, textura refinada e altos níveis de taninos.

Os melhores vinhos produzidos com essa uva são bem encorpados, de coloração bem escura e com grande complexidade de aromas e sabores, que variam de frutas vermelhas escuras, quando ainda novos, até tabaco, trufa e couro depois de maduros.

 

Presença da Cabernet Sauvignon no Vinho

Quando o vinho é elaborado com uvas colhidas antes de atingirem a maturidade perfeita, o vinho apresenta, geralmente, aromas de azeitonas e pimentão verde.

Alguns vinhos elaborados com essa variedade podem ser mais ricos e poderosos, com maior complexidade de sabores e aromas, ao passo que outros podem ter um sabor mais elegante (suave), com textura mais agradável.

As principais características variam, também, de acordo com o tipo de vinho produzido, se blend (mistura de Cabernet Sauvignon com outras variedades de uvas) ou varietal (somente Cabernet Sauvignon), bem como de acordo com o tempo de envelhecimento em barris de carvalho.

Em Bordeaux, por exemplo, região que fez com que os vinhos dessa uva ficassem mundialmente conhecidos e, também, que já produziu um dos vinhos mais caros do mundo (elaborado com essa variedade de uva), a tradição é sempre produzir vinhos de corte (misturar várias uvas).

A tradição é tão forte que quando se fala em blend de Bordeaux significa dizer que o vinho é elaborado a partir da mistura de Cabernet Sauvignon com Merlot, Cabernet Franc e em menor escala com Petit Verdot, Malbec e Carménère.

Na Califórnia, outra famosa região produtora deste tipo de vinho, inclusive de vinhos que também estão entre os mais caros do mundo, é comum encontrarmos tanto vinhos 100% Cabernet Sauvignon, quanto vinhos de corte.

Enfim, diversas são as opções de vinho Cabernet Sauvignon e cada uma delas terá características gerais às quais serão agregadas características peculiares, dependendo do tipo de vinho escolhido. E é o conjunto de todas essas características que tornam essa uva tão adorada mundo afora!

Quer saber um pouco mais sobre as características desse vinho? Assista ao vídeo do Carlos Cabral.

Cultivo da Cabernet Sauvignon

Um fato curioso é que, apesar da Cabernet Sauvignon poder ser cultivada nos mais distintos climas e terrenos, especialistas afirmam que ela melhor se desenvolve em solos pobres e cascalhentos, como em Bordeaux, e em regiões de verões quentes, como na Califórnia.

Isso porque a vinha é altamente influenciada pela temperatura do local onde é cultivada, especificamente em relação ao momento de amadurecimento de seus bagos e, portanto, o momento da colheita. A Cabernet Sauvignon é umas das cepas que mais demora para amadurecer, assim em climas mais quentes ela amadurece de forma mais plena do que em climas não tão quentes.

Cultivo da Uva Cabernet Sauvignon
A Cabernet Sauvignon se desenvolve em diversos solos e climas

Um outro fato interessante é o solo onde as vinhas são cultivadas. Na região de Bordeaux o solo, ou melhor, o terroir como um todo, sempre foi um aspecto muito importante para os viticultores.

Nessa região, os produtores perceberam que a Cabernet parece ter uma melhor performance quando cultivada em solo com pedregulhos (cascalho), pois como esse solo drena bem a água, ele absorve e irradia o calor para a planta, o que ajuda muito no amadurecimento das uvas, como se fosse uma compensação pelo fato de a Cabernet Sauvignon ser uma variedade de amadurecimento mais lento.

Na região da Califórnia, por outro lado, como o clima é mais quente o solo tem menos importância (ou pelo menos não precisa ser cascalhento), pois o calor ajuda muito na maturação.

Além da maturação ideal, a produção geral e a colheita também têm grande influencia na qualidade final do vinho. Se a vinha produzir muito (rendimento acima do normal) o resultado será, provavelmente, a produção de vinhos menos concentrados e menos saborosos.

 

Elaboração do Vinho com a Cabernet Sauvignon

Taça de Vinho de uvas Cabernet Sauvignon
Vinho de Uvas Cabernet Sauvignon

Apesar do vinho elaborado com essa uva ter características marcantes próprias – como aromas e sabores, é possível que reflita, em vários aspectos, a vontade de seu produtor. O produtor pode optar por blend ou varietal, por envelhecer o vinho em carvalho francês ou americano, por usar barril grande ou pequeno, de primeiro ou segundo uso… Enfim, as possibilidades são muitas. Vejamos algumas delas!

Como já explicamos, o mais famoso blend de Cabernet Sauvignon é o da região de Bordeaux, onde essa uva é mistura com a Merlot e a Cabernet Franc, podendo, também, em algumas ocasiões, incluir um pouco de Malbec, Petit Verdot e Carménère. Somente aqui cada produtor pode variar bastante seu vinho, pois apesar de usar o blend tradicional pode variar a quantidade de cada variedade de uva e, assim, personalizar seu vinho!

Blends com a Cabernet Sauvignon

A Cabernet Sauvignon é uma uva fácil de ser misturada com outras e o resultado é, via de regra, muito bom. Blends que também agradam os consumidores e especialistas são o de Cabernet com Shiraz, com Tempranillo e com Sangiovese (vide abaixo).

Se o produtor optar por fazer um vinho de corte ainda tem várias opções a respeito do momento em que irá fazer a mistura das uvas: antes, durante ou depois da fermentação. E obviamente que o resultado do vinho depende da escolha feita, o que abre um leque ainda maior para a produtor “brincar” com seu vinho!

Blends feitos com a Uva Cabernet Sauvignon
A Cabernet Sauvignon é uma uva fácil de ser misturada a outras variedades, dando origem a ótimos vinhos

Normalmente, por causa das diferentes fermentações de cada uva e do tempo de envelhecimento de cada vinho base nos barris de carvalho, os produtores preferem fermentar e envelhecer cada uva separadamente e misturar somente antes de engarrafar.

Um dos diferenciais da Cabernet Sauvignon é que ela é uma uva que tem grande afinidade com o carvalho, tanto no período da fermentação quanto depois, durante o período de envelhecimento nos barris de carvalho. A madeira suaviza os taninos e complementa a riqueza de aromas do vinho.

E aqui o produtor tem outra gama de oportunidades para fazer seu vinho. Isso porque o tipo de carvalho influencia muito e pode-se optar por carvalho francês ou americano; além do tipo, o fato de ser de primeiro ou segundo uso também altera o resultado do vinho que está sendo elaborado.

O tamanho do barril usado também influencia! Em barris maiores, o contato do vinho com a madeira é reduzido, influenciando menos no produto final. Já em barris menores, o contato é maior e, portanto, o vinho terá mais aromas de carvalho e mais suavidade nos taninos.

 

Blends mais famosos com a Cabernet Sauvignon

Apesar de cada produtor poder fazer a mistura de uvas que quiser e assim produzir o vinho que bem entender, determinados blends já se consagraram no mundo do vinho, seja porque agradaram consumidores de toda a parte do mundo, seja porque alguns deles chegaram à perfeição, alcançando notas altíssimas dos mais diversos especialistas.

Assim, apenas a título de curiosidade, elencaremos abaixo quais são os principais e mais apreciados blends elaborados com a Cabernet Sauvignon, bem como o local onde são majoritariamente produzidos:
Blend de Bordeaux:
Cabernet Sauvignon, Merlot, Cabernet Franc,

Malbec, Petit Verdot e Carménère; produzido na França, na região de Bordeaux

 

 

 

Supertoscano: Sangiovese, Cabernet Sauvignon, Merlot, Cabernet Franc

e Syrah; produzido na Itália, na região da Toscana

 

 

 

 

Australiano:Shiraz e Cabernet; produzido na Austrália

 

 

 

Dicas de Harmonização com a Cabernet Sauvignon

A estrutura complexa do vinho Cabernet Sauvignon, a grande concentração de taninos e a alta acidez fazem com que ele seja um vinho perfeito para ser degustado numa refeição, pois a harmonização do vinho com a comida torna a sua degustação muito mais saborosa.

harmonização com vinho cabernet
Harmonização com Vinho produzido com Cabernet Sauvignon

Como ressaltamos anteriormente, o mercado oferece diversos tipos de vinho Cabernet Sauvignon. Os vinhos mais jovens têm taninos que sobressaem mais, razão pela qual combinam muito bem com carnes gordurosas, como de porco e de cordeiro, assim como pratos com cogumelos.

Já os vinhos mais envelhecidos, com taninos mais “domados” combinam com distintos tipos de comidas, mas especialmente com carnes. Harmonizam bem também com costelas e pratos com molhos mais pesados, como os molhos a base de creme branco ou manteiga.


Mas nunca esqueça da principal regra de harmonização: a melhor harmonização será sempre aquela que mais agradar o seu paladar! Assim, tente as que sugerimos, mas tente também novas opções e veja o que mais te agrada!

Se quiser saber mais dicas de harmonização, confira esse artigo!

 

Nossas sugestões de vinhos Cabernet Sauvignon

Como já deve ter percebido, com essa uva são produzidos tantos vinhos com preços bem expressivos, chegando muitas vezes a concorrer com o vinho mais caro do mundo, mas também vinhos mais acessíveis, que, com certeza, cabem no bolso de muitos amantes do vinho, como os que sugerimos a seguir! Aproveite!

Casanova Cabernet Sauvignon 2015

País: ChileVinho-Tinto-Chileno-Cabernet-Sauvignon-Casanova-VinhoSite
Produtor: Hugo Casanova
Tipo: Tinto
Estilo: Tinto Leve
Temperatura ideal: de 8 a 10℃
Variedades: Varietal
Sugestão de Harmonização: Omelete com Linguiça.
Preço: R$38
Compre no Vinhosite

 

Orquestra Cabernet Sauvignon 2014

País: EspanhaVinho-Espanhol-Tinto-Orquestra-Cabernet-Sauvignon-VinhoSite
Produtor: Felix Solis
Tipo: Tinto
Estilo: Tinto Macio
Temperatura ideal: de 14 a 16℃
Variedades: Varietal
Sugestão de Harmonização: Costela de porco e batata ao forno.
Preço: R$40
Compre no Vinhosite

 

Casanova Antaño Reserva Cabernet Sauvignon 2014

País: ChileVinho-Cabernet-Sauvignon-Chileno-Reserva-Tinto-Casanova-Antano-VinhoSite
Produtor: Hugo Casanova
Tipo: Tinto
Estilo: Tinto Macio
Temperatura ideal: de 14 a 16℃
Variedades: Varietal
Sugestão de Harmonização: Grelhados e massas com molho de tomate e carne.
Preço: R$42
Compre no Vinhosite

 

Château Malbat Bordeaux Rosé 2014

País: FrançaVinhos-Franceses-Rose-Chateau-Malbat-VinhoSite
Produtor: Château Malbat | 1865
Tipo: Rosé
Estilo: Rosé Vigoroso
Temperatura ideal: de 10 a 12℃
Variedades: blend de Cabernet Sauvignon com Malbec
Sugestão de Harmonização: Excelente opção para acompanhar mariscos.
Preço: R$ 42,50
Compre no Vinhosite

 

Lídio Carraro Agnus Cabernet Sauvignon 2014

País: BrasilLidio-Carraro-Agnus-Cabernet-Sauvignon
Produtor: Vinícola Lídio Carraro
Tipo: Tinto
Estilo: Tinto Macio
Temperatura ideal: de 14 a 16℃
Variedades: Varietal
Sugestão de Harmonização: Picanha e carnes de caça.
Preço: R$51
Compre no Vinhosite

 

Finca El Origen Cabernet Sauvignon 2015

País: ArgentinaVinho-Argentino-Finca-El-Origen-Cabernet-Sauvignon-Tinto-VinhoSite
Produtor: Bodegas Finca El Origen
Tipo: Tinto
Estilo: Tinto Macio
Temperatura ideal: de 14 a 16℃
Variedades: Blend de Cabernet Sauvignon com Syrah
Sugestão de Harmonização: Aves de caça.
Preço: R$52
Compre no Vinhosite

 

Casanova Reserva Cabernet Sauvignon 2015

País: ChileVinho-Reserva-Chileno-Casanova-Cabernet-Sauvignon-Tinto-VinhoSite
Produtor: Hugo Casanova
Tipo: Tinto
Estilo: Tinto Intenso
Temperatura ideal: de 16 a 18℃
Variedades: Varietal
Sugestão de Harmonização: Cabrito e couve-flor com molho branco.
Preço: R$65
Compre no Vinhosite

 

Finca El Origen Reserva Cabernet Sauvignon 2015

País: ArgentinaVinho-Argentino-Cabernet-Sauvignon-Tinto-Finca-El-Origen-Reserva-VinhoSite
Produtor: Bodegas Finca El Origen
Tipo: Tinto
Estilo: Tinto Intenso
Temperatura ideal: de 16 a 18℃
Variedades: Varietal
Sugestão de Harmonização: Carnes grelhadas com molhos picantes.
Preço: R$69
Compre no Vinhosite

 

Casa Silva Cabernet Sauvignon Collección 2015

País: ChileVinho-Chileno-Tinto-Casa-Silva-Cabernet-Sauvignon-Coleccion-VinhoSite
Produtor: Viña Casa Silva
Tipo: Tinto
Estilo: Tinto Macio
Temperatura ideal: de 14 a 16℃
Variedades: Varietal
Sugestão de Harmonização: Peru recheado.
Preço: R$70
Compre no Vinhosite

 

Mezzacorona Cabernet Sauvignon 2014

País: ItáliaVinho-Trentino-Cabernet-Sauvignon-Italiano-Mezzacorona-VinhoSite
Produtor: Mezzacorona
Tipo: Tinto
Estilo: Tinto Intenso
Temperatura ideal: de 16 a 18℃
Variedades: Varietal
Sugestão de Harmonização: Paleta de cordeiro assada.
Preço: R$ 72
Compre no Vinhosite

 

Murets de Mez AOC Bordeaux Rouge 2014

País: FrançaVinho-Bordeaux-AOC-Frances-Murets-de-Mez-Rouge-Tinto-VinhoSite
Produtor: Cave du Marmandais
Tipo: Tinto
Estilo: Tinto Intenso
Temperatura ideal: de 16 a 18℃
Variedades: Blend de Cabernet Sauvignon e Merlot
Sugestão de Harmonização: Pernil de Cordeiro, pato ou ganso.
Preço: R$ 72
Compre no Vinhosite

 

De Muller Solimar 2014

País: EspanhaVinho-Espanhol-Cabernet-Sauvignon-Merlot-De-Muller-Solimar-Tinto-VinhoSite
Produtor: De Muller
Tipo: Tinto
Estilo: Tinto Complexo
Temperatura ideal: de 16 a 18℃
Variedades: Blend de Cabernet Sauvignon e Merlot
Sugestão de Harmonização: diversos tipos de carne, especialmente as brancas.
Preço: R$ 72
Compre no Vinhosite

 

La Carraia Umbria IGT 2014

País: ItáliaVinhos-Italianos-Tinto-La-Carraia-Cabernet-Sauvignon-VinhoSite
Produtor: La Carraia
Tipo: Tinto
Estilo: Tinto Intenso
Temperatura ideal: de 14 a 16℃
Variedades: Varietal
Sugestão de Harmonização: Massas e carnes vermelhas
Preço: R$ 73
Compre no Vinhosite

 

Torreón de Paredes Reserva Cabernet Sauvignon 2014

País: ChileVinho-Chileno-Cabernet-Sauvignon-Torreon-de-Paredes-Reserva-Tinto-VinhoSite
Produtor: Viñedos Torreón de Paredes
Tipo: Tinto
Estilo: Tinto Complexo
Temperatura ideal: de 16 a 18℃
Variedades: Varietal
Sugestão de Harmonização: Linguiça e costela de porco.
Preço: R$ 75
Compre no Vinhosite

 

Finca El Origen Gran Reserva Cabernet Sauvignon 2014

País: ArgentinaVinho-Argentino-Tinto-Finca-El-Origen-Gran-Reserva-Cabernet-Sauvignon-VinhoSite
Produtor: Bodegas Finca El Origen
Tipo: Tinto
Estilo: Tinto Poderoso
Temperatura ideal: de 16 a 18℃
Variedades: Varietal
Sugestão de Harmonização: Carnes vermelhas suculentas e picantes.
Preço: R$161
Compre no Vinhosite

 

E você, é um grande apreciador de Cabernet Sauvignon? Já experimentou os diversos blends? Ou ainda está conhecendo melhor os maravilhosos vinhos que podem ser produzidos com essa uva? Conte-nos nos comentários abaixo!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *